INDIGNAÇÃO

Por Artur Quintela

INDIGNAÇÃO!

Este é o termo certo para definir o sentimento do telespectador da TV Rondônia, Canal 4 de Porto Velho, Rondônia.
A Rede Amazônica de Televisão demonstra que são trogloditas que a dirigem.
Nos anos 70, lembro bem, a – então retransmissora – TV Rondônia pagava à Embratel para ter direito à transmissão ao vivo dos jogos de futebol dos clubes do Rio de Janeiro.
Agora, em nome de um princípio tacanho, mesquinho e sórdido de adequar à programação da Globo ao fuso horário local, gravam as novelas para transmitir no horário local. Isso é involução. Já foi o tempo em que recebíamos da Globo a programação gravada em k-7. As novelas, então, passavam com dois dias de atraso em relação à transmissão local do eixo RIO-SP.
Agora estamos, de novo, assistindo programação ultrapassada.
E, em nome deste desmazelo, os amantes do esporte mais prestigiado no Brasil ficam às favas. O primeiro tempo sequer teve citação nos intervalos da novela Passione.
Quando acabou a novela, um funcionário da emissora local (ou seria de Manaus?) se desculpou com o público, dizendo que a Rede Amazônica estava passando por adaptação de sua grade para transmissão da programação. E, por isso, não tinha transmitido o primeiro tempo do jogo Flamengo X Ceará.
Adivinhem onde estavam os telespectadores?
Claro! Assistindo tudo na Bandeirantes. Afinal, a Band continua sendo o Canal do Esporte, como diz Luciano do Vale.
A Globo? Que se lixe… A Rede Amazônica é superior!!!
Ora… deixe-se de balelas…
Será que a Globo sabe, mesmo, o que acontece por aqui? Ou continuam tratando-nos como “cabocos pé-descarço”, ignorantes? Talvez seja isto mesmo. Afinal… eles nem sabem se Porto Velho fica em Rondônia ou Roraima… Confundem RR com RO frequentemente…
Talvez por isto, por este descaso com a Região Norte, não liguem se estão ou não tendo prejuízos com seus patrocinadores. Que não tardarão a reclamar dos valores dos comerciais – pagos para serem exibidos nacionalmente – e que estão sendo suprimidos graças a uma “idéia mirabolante” de fazer cumprir horários de acordo com os fusos.
Ora… se as novelas da Globo não servem para ser transmitidas em horário de censura livre, tal programação é que deveria ser passada mais tarde. Não o jogo.
Sou brasileiro e, como 180 milhões, gosto de futebol, samba e cerveja.
Futebol é LIVRE!!!

Anúncios