Aline está bem. Se é que assim podemos dizer de uma pessoa que vive presa a uma mangueira de 20 metros.

Mas sua saúde está estabilizada.

Agora, na marcha para adquirir um concentrador de oxigênio portátil, não tem faltado apoio de amigos e órgãos de comunicação.

Já foi entrevistada pelo jornal Diario da Amazônia, TV Alamanda, TV Candelária (em parceria com Record News) e alguns sites da internet.

Hoje a TV Candelária exibe em todos seus telejornais a matéria gravada em nossa casa. Também a TV Alamanda colocou no ar no programa Alamanda Revista uma matéria longa em que Aline e vários amigos (inclusive o paizão aqui) deram seus depoimentos.

Marlene rolim, do Gente de Opinião, também é outra que deu destaque ao II Arraial Beneficente da Aline que ocorrerá no próximo dia 30, no Centro Salesiano do Menor, no bairro do Areal.

A todos quero deixar aqui meus agradecimentos e, sem desmerecimento, publico abaixo a reportagem do imagemnews.

 

 

Com fibrose pulmonar, mulher pede ajuda para comprar aparelho de oxigênio portátil

 

 

20/7/2011 – 09:33 – ( Cotidiano )

Compartilhe o conteúdo |

Aos 29 anos, Aline de Souza Quintela não pode sair de casa como outras jovens de sua idade. Com fibrose pulmonar, ela sobrevive presa por uma mangueira de 20 metros ligada a uma máquina de oxigênio, plugada na tomada. Para sair de casa ela precisa carregar um cilindro de oxigênio que pesa 12 quilos. Devido ao custo de recarga do aparelho e ao constrangimento que sofre ao andar na rua, devido aos tubos que passam pelo nariz, que chamam a atenção de curiosos, ela sai de casa somente para as sessões de fisioterapia.

Foto: Cleris Muniz/Ag. Imagem News

Uma mangueira de 20 metros ligada a máquina de oxigênio permite que Aline ande pela casa

Há oito anos, Aline descobriu ter câncer de tiróide. Como o estágio da doença estava bem avançado, os médicos se recusaram a realizar cirurgia para retirada dos tumores. Para o tratamento, ela precisou passar por várias seções de radioterapia, que junto com diversas pneumonias, ocasionaram a Fibrose Pulmonar (ressecamento dos pulmões).

A possibilidade de Aline ter uma vida social normal levou um grupo de amigos a se reuniu e promover um arraial beneficente. Com o dinheiro arrecadado na festa, os amigos pretendem comprar um aparelho concentrador de oxigênio portátil, que pesa apenas 2 quilos e pode ser carregado de forma discreta. O equipamento custa cerca de R$ 12 mil.

“Não reclamo da vida. Estar viva já é uma vitória”, diz Aline com um sorriso no rosto, de quem aprendeu a conviver com os obstáculos. Mãe de dois filhos, um menino de 12 anos e uma menina de 8, Aline tem esperança que vai conseguir comprar o aparelho e assim, proporcionar aos filhos a companhia em momentos de alegria. Ela se queixa de ter sido ausente na vida dos filhos e afirma que nunca participou de uma festa do dia das mães na escola deles.

 

Foto: Cleris Muniz/Ag. Imagem News

O cilindro de oxigênio que Aline usa para sair de casa pesa 12 quilos. O concentrador portátil, que os amigos desejam comprar, pesa apenas 2 quilos.

 

 

Aline e os filhos moram com os pais no bairro Areal, em Porto Velho. Com a descoberta do câncer de tiróide e as viagens para tratamento, ela foi abandonada pelo marido, que ainda hoje se recusa a ajudar na criação dos filhos. “Depressiva com a separação, cheguei a pesar 37 quilos, o que prejudicou meu tratamento”, diz ela.

 

Para passar o tempo, dependendo das condições físicas, Aline faz trufas de chocolate e frutas para vender. Sua maior diversão é navegar na internet. E, foi em uma comunidade de pessoas em tratamento de câncer, num site de relacionamento, que ela encontrou um novo amor. Hoje, além da ajuda da família, ela conta com o apoio do namorado que entende suas delimitações, pois passou por um transplante de pulmão.

 

ARRAIAL DOS AMIGOS

 

O arraial esta programado para acontecer no próximo dia 30, a partir das 17h30m, no Centro Salesiano do Menor, bairro Areal, em Porto Velho. Doações também podem ser feitas através da conta corrente: 61.000-3; agência do Banco do Brasil: 2290-X ou conta poupança: 218973833, agência do Banco Real: 1587.

 

 

Anúncios